sábado, 15 de outubro de 2011

Aborcionistas propositadamente ignoram a ciência

O vídeo de baixo mostra o que os maiores aborcionistas do planeta (com as mãos cobertas do sangue de mais de 50 milhões de bebés assassinados - só nos EUA), pensam do facto da ciência mostrar que a vida começa na concepção.



Parece que a ciência ainda não está "estabelecida" em algumas áreas. Por mera coincidência, as áreas onde a ciência ainda não está "estabelecida" são aquelas onde a ciência põe em causa crenças cardinais do esquerdismo.

Quando isso acontece, os aborcionistas (bem como outros revolucionários) defendem que a ciência não é a verdade absoluta (que, por acaso, nunca é), e que ainda existe discórdia entre os cientistas. No entanto, quando se fala em aquecimento global ou teoria da evolução, não há - nem nunca vai haver - discórdia entre os cientistas.

O mais irritante neste vídeo é que os aborcionistas, para além de ignorantes, defendem que "não sabemos quando é que a vida humana tem início". Ora, se não sabemos quando tem início a vida humana, então o mais honesto é suspender o aborto até que se saiba quando é que a vida humana começa uma vez que os aborcionistas podem muito bem estar a matar seres humanos.

Se eu trabalhasse numa empresa de demolições e estivesse em vias de demolir um edifício, se eu soubesse que havia uma hipótese - embora mínima - de ainda haver pessoas dentro dum prédio, a demolição teria que ser suspensa até eu me certificar que não há vidas inocentes nas instalações.

O mesmo deveria ser feito com o aborto se os aborcionistas realmente acreditassem que "não sabemos quando começa a vida humana".

Temos aqui uma situação demoníaca uma vez que estamos presentes com um grupo que mata seres que eles não sabem se são humanos ou não, e acha isso um "direito humano", "liberdade de escolha" ou "direito reprodutivo".

Não sabem se é humano ou não, mas matam à mesma.

Na verdade, não há a mínima discussão que se trata dum ser humano desde o momento da concepção. É precisamente devido a essa verdade científica que os aborcionistas querem relativizar o que a ciência mostra.

"Se o ovo fertilizado não é nele mesmo humano, então nunca se poderia tornar num humano porque nada mais é acrescentado a ele [até nascer]"

(Jérôme Lejeune, geneticista, e responsável pela descoberta do síndrome de Down)

"É cientificamente correcto afirmar que vida humana individual inicia no momento da concepção."

(Dr. M. Matthew Roth, Universidade Médica de Harvard)

5 comentários:

  1. Não entendi a frase "Top" do video? A ultima que o homem com voz enjoada fala, você pode me dizer oq ele disse?

    ResponderEliminar
  2. Isvi, aos quantos minutos e segundos do vídeo?

    ResponderEliminar
  3. Quando o cara com voz enjoada fala por volta dos 2:14 do vídeo.

    Abraços!

    ResponderEliminar
  4. "Anyone who is born with an X and a Y cromosome is biologically female"

    =

    "qualquer pessoa que nasça com um cromossoma X e Y é biologicamente fémea".

    Isto é um erro científico primário da parte do aborcionista.

    Machos = XY
    Fêmeas = XX

    ResponderEliminar
  5. Cara auhauhauh que absurdo! Sabia que era papo de gay. Ou seja, ele quer dizer que por padrão todo ser humano é mulher auhauhauha que louco! Só para justificar sua vida de práticas imundas. Não me espanto com mais nada ultimamente, acho que ainda vejo coisa pior acontecendo, que DEUS tenha misericórdia deste mundo e abençoe e proteja os que O amam, em nome de Jesus Cristo.

    Abraços.

    ResponderEliminar

Se vai comentar para defender a legalização do aborto veja primeiro este video. Caso mantenha a decisão de comentar para apoiar a legalização da matança dos fracos e inocentes, escusa de perder tempo. O seu comentário não será publicado.

ShareThis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...