terça-feira, 30 de agosto de 2011

Mulher tenta enganar amante do marido a tomar droga abortiva


Kisha Jones, de 40 anos, declarou-se como culpada da acusação de ter tentado abortar o filho da amante do seu marido.

Ela agora pode ser condenada a 4 anos de prisão.

A srª Jones telefonou à Monique Hunter, fingindo ser funcionária clínica, e disse que ela precisava de tomar uma droga chamada Cytocec.

Jones então falsificou uma receita e enviou-a à farmácia local (ao cuidado de Monique Hunter).

A srª Hunter tomou a droga, o que induziu-a a entrar em trabalho de parto prematuro mas não matou o bebé.

Mais tarde ela deu à luz um bebé saudável.

-Fonte-


Sem comentários:

Publicar um comentário

Se vai comentar para defender a legalização do aborto veja primeiro este video. Caso mantenha a decisão de comentar para apoiar a legalização da matança dos fracos e inocentes, escusa de perder tempo. O seu comentário não será publicado.

ShareThis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...